Você no Trânsito - Ciclista

Os ciclistas também têm direitos e deveres no trânsito. Os artigos 58 e 59 do Código de Trânsito Brasileiro trazem normas gerais de conduta.

Ele deve andar no bordo da pista, afastando-se ao máximo do fluxo de veículos e o ciclista desmontado, empurrando a bicicleta equipara-se ao pedestre.

O artigo 201 trata da penalidade imposta ao motorista que deixar de guardar a distância lateral de um metro e cinquenta centímetros ao passar ou ultrapassar uma bicicleta. Comete uma infração média mais multa.

O artigo 220, inciso XIII, determina que o motorista deve reduzir a velocidade ao ultrapassar ou passar o ciclista. O descumprimento desta medida acarreta infração grave, mais multa.

Orientações:

  • Quando houver ciclovias, ciclofaixas ou acostamento, devem ser utilizados, obrigatoriamente;
  • A circulação de ciclistas na calçada só é permitida se houver sinalização específica autorizando;
  • Os responsáveis pelas crianças devem identificar os locais seguros para que elas brinquem de bicicleta, e orientá-las porque estes lugares são seguros, levando-as nos locais perigosos orientando de maneira que elas percebam concretamente o porque dos perigos;
  • Não permita que a criança circule com a bicicleta na via pública, é muito perigoso, porque ela é pequena, executa movimentos rápidos e os condutores são surpreendidos, podendo não conseguir evitar o atropelamento;
  • Cuidados especiais sob condições adversas, como: chuva, aclives, declives, tipos de pavimentos, cruzamentos, buracos, pontos cegos de visão, etc;
  • Não saia de bicicleta à noite, sob neblina, cerração, vias cujo trânsito é muito intenso, porque você não é visto;
  • Aprender a reconhecer e evitar os “pontos cegos de visão” como por exemplo, curvas, subidas, descidas, ônibus em movimento ou parado, ziguezaguear entre veículos em movimento e parados, altura, largura e cumprimento dos veículos;
  • Quando estiver em grupo, ande sempre em fila única;
  • Vista-se com roupas que facilitem seus movimentos. Prefira roupas refletivas, se você for pedestre ou ciclista;
  • Use sempre capacete e óculos, para proteção da cabeça e olhos;
  • Nunca pegue carona na traseira de ônibus e caminhões. Numa freada brusca é impossível evitar acidentes;
  • Visão e audição são importantes para sua segurança e de terceiros, portanto as orientações sobre o consumo de álcool e outras drogas feitas aos motoristas são indicadas também aos ciclistas.

Bicicleta é um meio de transporte, lazer e esporte. Saiba as regras de circulação e proteção.

Proteção

  • Procure usar equipamentos de segurança: capacete, óculos ou viseira, cotoveleiras, joelheiras e roupas apropriadas, refletivas e coloridas;
  • Equipe sua bicicleta com equipamentos obrigatórios de segurança: espelho retrovisor esquerdo, campainha, sinalização noturna dianteira (dispositivo retrorefletor na cor branca ou amarela), sinalização noturna traseira (dispositivo retrorefletor na cor vermelha) sinalização noturna lateral e nos pedais (de qualquer cor refletiva);
  • O capacete é um elemento de segurança muito importante e tem validade, por isso, deve ser trocado após seu vencimento. Quando cair no chão também deve ser trocado, pois terá perdido parte da capacidade de proteção.

Os outros

  • Respeite o pedestre, não transite pelas calçadas, dê preferência de passagem a ele quando estiver atravessando a via, mesmo que não exista faixa de pedestre dê a preferência, ele é muito frágil;
  • Respeite sempre a sinalização: semáforos, faixa de segurança e placas de regulamentação), gestos e sinais sonoros dos agentes de trânsito);
  • Sinalize sempre com os braços e com antecedência as suas intenções;
  • Atenção com saídas de garagem;
  • Evite usar fones de ouvido, pois assim não poderá escutar alertas de buzinas ou outras situações de risco.

O caminho

  • Circule onde houver ciclovias ou ciclofaixas. Caso contrário, ande sempre pela direita da via, junto ao meio fio e no mesmo sentido dos demais condutores;
  • Cuidado nas conversões e cruzamentos, são os locais de maior índice de acidentes;
  • Evite ruas muito movimentadas (grandes avenidas, rodovias);
  • Cuidado com veículos estacionados, uma porta pode ser abertra a qualquer momento.

A pressa

  • Se você faz entregas com bicicleta, lembre-se que entrega rápida é o que o cliente quer, seu patrão quer, ou mesmo você. Mas, a pressa não deve ser maior que sua vontade de viver;
  • Quem vai com calma vai mais longe.
Recomendar esta página via e-mail: