Curiosidades

Você Sabia...


Geral

  • Para um carro numa batida a 65 Km/h os passageiros sofrem um impacto equivalente a 820 Kg.
  • Mais de 30 mil pessoas morrem no trânsito todos os anos. São mais de 80 pessoas por dia ou 1 a cada 18 min.
  • No Brasil anualmente morrem mais de 6 mil pessoas atropeladas e ocorrem mais de 300 mil acidentes.
  • No Japão a multa por dirigir falando no celular é de 90 dólares, na Espanha é de 100 dólares e em Cingapura chega a 600 dólares mais a suspensão da Carteira de Habilitação por 6 meses.
  • Para um carro bater num objeto fixo a uma velocidade de 60Km/h, equivale a cair de um prédio de 4 andares (numa altura de aproximadamente 14 metros?
  • Se a velocidade for de 80 Km/h, o impacto equivale ao de uma queda livre de 25 metros?
  • Uma pessoa adulta só consegue suportar um peso que seja, no máximo, 3 vezes superior ao seu próprio peso?
  • Mesmo que um veículo esteja numa velocidade de 20 Km/h, o impacto sob um objeto fixo resulta numa força superior a até 15 vezes ao peso da pessoa? Daí resultam os graves ferimentos, que em muitos casos, podem ser fatais.
  • Quando dois veículos a 25 Km/h se chocam, as velocidades se somam-se, resultando num impacto correspondente a 50 Km/h?
  • 40% das mortes em acidentes são causadas por choque em para-brisas ou o painel de instrumentos?
  • 30% das lesões fatais em colisões foram causadas porque a vítima bateu contra o volante?
  • Uma em cada 5 lesões aconteceu porque pessoas dentro do veículo bateram-se umas contra as outras?
  • 8 em cada 10 pessoas que não usavam cinto de segurança morreram em acidentes com pelo menos um dos veículos a menos de 20 Km/h?
  • Os cintos de segurança são desenvolvidos tendo por base o indivíduo adulto? Por isto, não devem ser usados por crianças com menos de 1,40m de altura.
  • Corpo humano tem pouca resistência ao impacto. Um pedestre atropelado por um automóvel trafegando a 30Km/h tem 95% de chance de sobreviver; a 40Km/h tem 85%; a 50Km/h tem 55% e a 60Km/h tem 30% de chance de sobreviver.
  • Café forte, banho frio e “tomar ar” não protegem a vida de um motorista alcoolizado, e que em alguns países não existe um mínimo tolerado, lá a tolerância é zero e com a suspensão definitiva da habilitação.
  • Em uma colisão a 60 km/h, o peso é multiplicado por 50, uma mala de 7kg atinge 350 kg, um cachorro de 10kg atinge 500kg, uma criança de 20kg atinge 1.000kg, peso de um urso, uma mulher de 50kg atinge 2.500kg, peso de um rinoceronte, e um homem de 70kg atinge 3.500 kg, peso de um hipopótamo.
  • Se um adulto levar uma criança no colo quando o carro está em movimento, no caso de acidente ambos são projetados para a frente e o adulto espreme a criança contra o banco dianteiro ou contra o painel, ferindo-a gravemente?
  • Cerca de 75% dos acidentes ocorrem num raio de 30 Km da residência do motorista?
  • Que se você estiver sem cinto de segurança, a força dos braços só é eficaz para evitar que você se machuque dentro do carro se ele estiver a 10Km/h?
  • Que se o veículo estiver a 40 Km/h o motorista sem cinto de segurança pode ser atirado violentamente contra o pára-brisas ou arremessado para fora do carro?
  • Que o acidente de trânsito é o segundo maior problema de saúde pública do Brasil, perdendo apenas para a desnutrição.
  • Que o trânsito é a terceira causa de morte do país ficando atrás apenas das doenças do coração e do câncer.
  • Mais de 50% dos leitos em hospitais são ocupados por vitimas de acidente de trânsito.
  • Para cada pessoa que morre no trânsito, duas ficam inválidas e sete ficam com sequelas.
  • Que existe uma associação brasileira que luta pelos direitos dos pedestres? ABRASPE (Associação Brasileira dos Pedestres)
  • Na maioria dos atropelamentos o pedestre é arremessado para o alto e rola por cima do capô
  • Que 35% da população do país se locomove a pé, 32% utilizam o transporte público, 28% locomovem-se de carro, 3% de bicicleta e 2% utilizam a motocicleta.
  • Que o uso de equipamento de segurança, como bebê-conforto, cadeirinhas, booster e cintos de segurança de três pontos, reduzem em 70% os riscos de mortes e lesões graves em crianças num acidente de trânsito?
  • Que a cada 4.9 minutos é registrado um acidente em rodovias federais? Que uma pessoa perde a vida a cada 84 minutos e uma pessoa é ferida a cada 8.8 minutos?
  • Que em um acidente a parte do corpo com maior risco de se ter uma lesão é a cabeça, com 75% de probabilidade?
  • Que mais de 50% dos acidentes são causados por motoristas alcoolizados.

 

Você sabia?

  • Para uma criança de 14 kg, uma colisão a 50 km/h equivale a ser jogada do 2° andar de um prédio.
  • Num acidente, se a criança estiver sem cinto de segurança, ela é arremessada contra o pára-brisa podendo sofrer traumatismo craniano e lesão na medula que causam tetraplegia?
  • Que uma criança de 22Kg, dentro de carro, que esteja correndo a 50Km/h se não estiver usando cadeira de segurança, ela atinge o pára-brisa com um peso igual a 1 tonelada?
  • Duas crianças não podem dividir o mesmo cinto de segurança pois num caso de colisão, o impacto pode fazer uma delas esmagar a outra?
  • Que crianças só podem ir no banco da frente após os 10 anos de idade?
  • Que em 2004, no Paraná, 92 crianças entre 0 e 12 anos morreram em acidentes de trânsito e em 2005 foram 85 crianças?


Pessoas Idosas

  • Em carros com 2 portas, idosos devem ir na frente. Caso tenha 4 portas, ir atrás. Sempre com o cinto de segurança.


Grávidas

  • Mulheres esperando bebês devem sempre usar o cinto de segurança, mas este não pode ser colocado sobre a barriga, de modo a não pressionar o bebê.


Animais

  • Leve-os em caixas específicas, atadas ao cinto de segurança no banco de trás.
  • Para cachorros já existe cinto de segurança específico.


Celular

  • Que o uso do celular enquanto dirige é quase tão perigoso quanto uma pessoa alcoolizada no volante. Pesquisas revelam que o celular causa uma cegueira periférica, que é uma variação da chamada cegueira da falta de atenção. Pesquisadores da Universidade de Utah nos Estados Unidos mostraram que aliar celular e direção quadruplica o risco de acidente. O mais interessante é que dos pesquisados todos disseram que não sentiram diferença na sua maneira de dirigir, entretanto não lembravam do trecho percorrido no percurso em que foram acompanhados.

 

Recomendar esta página via e-mail: